04/01/2010

Lhasa de Sela (1972 - 2010)



Lhasa de Sela - Los Peces


Tindersticks/Lhasa de Sela - Sometimes it Hurts


Stuart Staples/Lhasa de Sela - That Leaving Feeling



Lhasa de Sela - De cara a la pared

9 comentários:

Catsone disse...

Não conhecia, mas pelos exemplos que aqui puseste se pode dizer que a música perdeu muito com a sua partida...
RIP

pinguim disse...

A morte de um artista é sempre uma perda, mas custa mais se se tem apenas 38 anos e se tem muito ainda a dar...

johnny disse...

Catsone, Lhasa era um daqueles nomes que eu conhecia vagamente e que tinha uma aura qualquer que a tornava venerável. Conhecia dois álbuns dela, dos quais nem era grande fã, tirando duas ou três músicas e conhecia as participações com Tindersticks e o seu vocalista, que eram muito boas.

Pinguim, ficam estas músicas e a saudade por uma alma jovem e talentosa (como muitas que há e não são faladas em nenhum blogue) que o deixa de ser.

Juana disse...

Vim aqui parar e não sei como, mas o que me leva a fazer este comentário é sómente a coincidência. Hoje coloquei três músicas no meu blog, em honra desta mulher que morreu precocemente aos 37 anos vítima de cancer no seio. Um dia destes ouvi, desatenta e a horas tardias, na TSF uma entrevista com ela...Como pode um talento destes ser descoberto apenas na morte?

johnny disse...

Deves ter vindo aqui parar através da fábrica, porque foi através da fábrica que eu também passei hoje pelo teu. Era para perguntar se aquilo era um madeiro e se era na zona interior, mas acabei por não perguntar nada.

O bom dos artistas, em especial os músicos, é que deixam sempre uma obra atrás deles para que quem não os conhecia ainda o possa fazer.

johnny disse...

Ia aconselhar outra música dela, do álbum La llorona, mas acabei por inclui-la no post. Fica mais uma, esta até com uma actuação ao vivo.

Brown Eyes disse...

Não conhecia mas fiquei a conhecer com o que aqui ouvi. Gostei mas, sempre morreu? Já ouvi que sim, que não,...johnny há um desafio para ti no meu blog. Gostaria que aceitasses. Passa por lá. Beijinhos

johnny disse...

Eu ainda não ouvi dizer que não morreu, mas todas as fontes apontam que morreu dia 1 de janeiro vítima de cancro da mama.

E ainda bem que a morte não apaga a obra, porque assim ainda foste a tempo de conhecer.

johnny disse...

Quanto ao desafio, vou aceitá-lo, mas também vou demorar alguns dias!