06/02/2010

Ana Moura no Theatro Circo em Braga


Foi esta mulher, ontem, que me levou aos fados.

Ana Moura - Os Búzios


Ana Moura - O fado da Procura


Ana Moura - O que foi que nos aconteceu 

(Só faltou esta)

Foto retirada daqui

30 comentários:

Pronúncia disse...

Andaste então pela minha Bracara Augusta?! :)

johnny disse...

"Andaste" e "andas", revendo locais, descobrindo que o centro está a ser escavado e que encontraram mais algumas pedritas de antigamente. Agora vou comer qualquer coisa ao Fernando do Baroque :)

Pronúncia disse...

Passa no centro histórico. Está muito bonito, especialmente à noite, se resolveres jantar por cá, vai à "Taberna do Migaitas", mesmo ao lado da Sé... a paparoca é bem boa! :)

johnny disse...

Vou tentar. Obrigado pela sugestão. Depois é para deixar a conta em nome de... Quem?

Juana disse...

há uns anos os Rolling Stones também foram com ela aos fados! Merece...

johnny disse...

Juana, percebe-se o porquê de os Rolling Stones, ao ouvirem vários artistas e cd de fado, a escolheram a ela. Ela também cantou neste concerto uma deles, na sua versão da música "No expectations", e esteve muito bem.

Por entre o luar disse...

Gostooo =)

Beijito

Pedrasnuas disse...

ENTÃO GOSTAS DE FADO COMO QUALQUER BOM PORTUGUÊS...MUITO BEM...

IMAGINO A TUA NOITE...

BEIJO

johnny disse...

Por entre o luar. ainda bem que gostas.

Pedrasnuas, gosto... como qualquer português que começa por desprezar mas que vai aprendendo a verdade do que é dito e da forma como é dito o fado. A minha noite não foi como esperava, visto que a Ana Moura não acabou a beber uns copos connosco. Fica para a próxima.

Rui disse...

Pois o dia de amanhã ninguém sabe :) Ninguém pode dizer que a Ana um dia destes não vai beber um copo convosco :). E de certeza que se ia divertir.
E é o que faz falta a todos "DIVERTIREM-SE".
Fica bem :)
RS

Moyle disse...

fui à praia apanhar um búzio.
cheguei a casa, em cima da mesa púsio :D

johnny disse...

Rui, de certeza... certezinha! Obrigadinhos. Fica bem também.

Moyle, eu gostava de um desses poemas que tinha romã e hã, mas nem me lembro de como era...

pinguim disse...

Adoro a Ana Moura e o seu fado "Búzios" é dos mais belos que conheço.
Deve ter valido bem a pena.

johnny disse...

Valeu, Pinguim, valeu.

Moyle disse...

não era então o: deixei a camisola quando fui à várzea. se lá fores e a vires, trázea?

johnny disse...

Aquele de que falava, era este:
"Ê vi-te no tê jardim,
Andavas colhendo hortelã!
Ê cá gosto de ti,
E tu?? Hãããããã???"

Afinal não era romã, mas também dava.

Moyle disse...

já me lembro. se não tivesses dito ainda estava preso no: da minha casa à tua vai uma curta distância, tem cuidado não escorregues nas cascas de melância.

johnny disse...

E o "Subi a um êcaliptre
Com o tê retrato na mão
Desencaliptrê-me lá de cima
Malhê com os cornos no chão!"

Pronúncia disse...

Johnny, isto é que vai para aqui um sarau de poesia...

Se me é permitido contribuo com um poema... do tempo em que não havia acentos:

"Nos tempos da pre-historia
Os povos eram barbaros
Subiam as arvores
Para comer os passaros..."

(E ainda há quem ache que os acentos não são importantes...)

johnny disse...

Not me, pronúncia, not me :)

Moyle disse...

bom, nisto de árvores os acidentes são obrigatórios porque:

subi a uma árvore para ver se te via. como não te vi, desci-a.

johnny disse...

E os frutos também porque:

"atirê um limão rolando...
À tua porta parô...
Depois fiquê pensando...
Será q o cabrão se cansô?

MZ disse...

Também já ouvi Ana Moura ao vivo e em silêncio, o silêncio necessário para se ouvir e se sentir o fado... independentemente da idade sente-se o poder deste estilo que no envolve sem darmos conta.

Ela está de parabéns, acho que com a sua juventude vai levar muitos mais ao FADO!

bjs

Moyle disse...

nada que se compare às minhas férias em Aljezur. torci um pé quando tropecei num mure.

johnny disse...

MZ, pode-se bater palmas, desde que ela peça, como aconteceu em algumas ocasiões. Valeu mesmo a pena, mais até do que estava à espera.

Beijos também para ti.

Moyle, com essa estragaste tudo... acho que abusaste com aljezur e mure. Por mim acabou.

Hyndra disse...

Eu não tenho o hábito de ouvir fado em casa ou no carro, mas espectáculos ao vivo são sempre uma coisa maravilhosa!

johnny disse...

Em parte, concordo, Hyndra. Digo isto porque ela surpreendeu-me, parecendo melhor ao vivo do que em qualquer forma de gravação. Contudo, já não dispenso Fado nos CD que tenho no carro, apesar de, juntamente com outras sonoridades, poder causar uma escolha demasiado eclética.

Moyle disse...

yah, fui longe demais. é que não me lembrava de mais nenhuma queria ter a última palavra. hábito feio...

Amaterasu disse...

uma voz sublime que juntamente com a magia do teatro deve ter dado um espectáculo magnifico.. estive para ir mas não pude... resta-me imaginar o que perdi.. :)

johnny disse...

Moyle, pronto, fica lá com a última palavra... ups!

Amaterasu, como disse ali atrás, a Ana Moura surpreendeu-me e a actuação foi melhor do que eu estava à espera... e eu já estava à espera que fosse muito boa.